Afoga o Ganso (Baião)

Tinha vilas de maconheiros todos sabem o qual é
Tinha vilas que treinava gangue  nos fundil de Itararé
Nós tinha a vila Osório  aonde existia cafuné.
Hoje é vila de abastado com pose de coronel
E na parte central temos as sósias de princesa Isabel .
Temos a vila do sossego citando a vila Santa Terezinha.
Vivem muitos aposentados junto aos encantos das andorinhas;.
Nesta vila é o florão  e ninguém  tira farinha.
As vilas cito por nome vejam  bem se adivinha.
Tem vila que mulas não dá coice  legal e não cainha.

Temos local de turismo  essencial é a barreira.
Outros escolhem rio verde ,outros trambiqueira.
Outros é jogo de truco  mais tudo de brincadeira.
Outros é de futebol  defende São Paulo e Palmeira.
Outros é Santos e Corintianos  hasteando a bandeira.

Temos velhas de olhos na toca  mas boas e regateira.
Com netos e bisnetos na saia  você só fica na rasteira.
Com bolacha pão  e balas no bolso e bico de mamadeira.
Calça cheirando xixi  sem moedas na algibeira
Tem de pedir aos  pai de santo pra livrar das macumbeiras.

São viadutos do asfalto  note a metáfora que eu cito.
Mocinhas seringa de injeção  sem silencio só no grito.
Me livre de rugas e mais rugas acuda –me São Benedito.
Fole de sanfona  de brexól  ambiente fica esquisito
Ouve tempo que sapateiro seu prazer era mais bonito

De  curucáca você desiste  sem começo de pegada.
Dá tapa  soca o coitadinho mais o dégas  não quer nada.
Mocinhas que faz  carinhos tem bis  livre de palmada.
Daí que sabiá ficará mudo mais não fica despenada.
O ganso permanece afogado nem pode dar uma piscada.

Perua de papo furado sem natal é frouxa desaprumada.
Ó  que terra de boa gente  celeiro de moçadas
A rua São Pedro enfeitam  de morenas bem ajeitadas .
São lourinhas das conquista cura de molas cansada
As da era paleozóicas  bem longe de arquibancadas.

Proprietária  de vassouras  longe de eu ser sapateiro.
Reservo tempo para as garotas  que faz amor sem dinheiro.
Quem estiver de bielas fundidas dou coice certo no traseiro;
Vá morar em São Paulo  longe de Rio de Janeiro.
Sumam de avião  a jato não em trem de passageiro

Composta em 8 de setembro de 2006 – às 11h20

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments