Capricho no Boletim (Baião)

Eu era moço reservado mais a morena deixou eu afim.
Encontrei a única riqueza Casei e fiz lindo festim.
Deliciei fazer a lua de mel Da Europa escolhi Turim.
Retornei um ano depois de ter Hospedado em Dublin.

Meu amor foi novidade Que sábios escreveram pasquim.
Divulgando todo meu percurso capricharam no boletim.
Fui o maior cantor sertanejo todos recordam do Valentim.
Cantava em qualquer idioma com exceção do latim.

Fui um craque boiadeiro só cuidava de boi e capim
Dormia com revolvore na cinta e com um facão colin
No campo usava bota gaucha na cidade era borzeguim.
Nos bancos era conhecido fui coronel em coxim.

Mais a vida passou de corisco só tinha cheiro de pituim.
Fazia cafuné em minha careca Agora gamei na pixaim.
Dei valor na mudança de vida desfrutando meu pudim.
Sem ter vida de senador o amor é minha libra e xelim

Ela dominou em categoria o passado oco eu dei um fim.
Deixei o sogro e sogra feliz alegrando a Amélia e o Benjamim.
Hoje vivo só para a Solange Ela enriquece o meu jardim.
Se a riqueza dá felicidade é que Deus ordenou pra ser assim.

Composta em 22/9/2012

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments