Mutuo Amor (Baião)

Não vou deixar de amar não quero perder o esquema.

Nascemos pra mutuo amor somos queridos da gema.

 

Jurei amor eterno em linha só nos braços da Jurema.

Escrevo cartas de amor usando pena de uma ema.

 

Deixemos diversões da vida parece atitude extrema.

Não fracassamos no idílio jamais negamos emblema.

 

Nos beijos nós apostamos sem as palavras em fonema.

Ela tirou todos os enleios quando imitava o Itapema.

 

Tirei o meu filé mígnon que habitava em Ipanema.

Traiçoeiros demônios de inveja nosso potente míssil crema.

 

Composta em 6/12/2012

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments