Noite Tenebrosa (Baião)

Chorei, chorei mais na conclusão eu não cheguei.
Chorei, chorei agora a felicidade está chegando a minha vez.
Chorei, chorei graças que agora seu amor eu alcancei.
Meu caminho desobstruiu e do abismo para sempre me livrei.
Fiz de tudo e consegui amor pala Éster e jamais fracassarei.

Nas noites tenebrosas silencio nasce nosso amor dum modo certo.
Éster dormindo sonhando mais seu amor esta bem perto.
Extasiando nosso amor que estava num deserto.
Nosso mundo era solitário construímos através de um alerto.
Sem importar do dia triste que nosso segredo foi descoberto.

Nosso amor hoje Éster hoje no encalço num amor louco infinitismo.
Unimos num amor visado abrangendo bom sensualismo.
Teu capricho amoroso fez libertar do profundo abismo.
Construímos nosso lar e libertamos do egoísmo.
Saí das trevas que me consumia cheguei ao fim do onanismo.

Somos iguais casal de canarinho em gorjeio no quintal.
Com a Éster dando apoio livrei do emaranhado marginal.
Unidos num futuro auspicioso mudando para outro sinal.
Éster defende o seu amor com um futuro substancial.
Com beijos e abraço nosso sonho de amor torna cada vez mais real.

Composta em 8 de outubro de 2006 – às 14h02

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments