Badalando o Coração (Xote, Canção)

Do jeito que me espera não relato não, só sei que é em ótima condição.
Teu ato testemunharam a boa preparação, caprichosa mostra saber o que é bom.
No chuveiro até bobo sabe o que passou, roupas molhada sabonete que usou..
Perfume estrangeiro corpo se banhou, cabelo arrumado a gosto do seu amor,

A  cama cheira meado da primavera..mostra o grã gosto de quem  tu espera.
Pela vidraça atenta para ver o Voyage bordô,momento depois alegria consumou.
Passos lentos aproxima do portão,cachorro do vizinho ladra em baixo do porão.
Abro o trinco e unimos com aperto de mão,sem  dizer uma palavra beijo ata nossa união

Ambos ansiosos  badalando o coração,ergo os braços com amor em conjunção .
Vamos ao mais importante em feros  alucinação ,no extremo cansaço sem medir exaustão
Dormimos entrelaçados com dez horas calculada, biz e biz  até madrugada..
Galos cantam apita sereia apaixonada  volto ao meu carro na calçada.

Você me acompanha passos lentos não diz nada, espera repetir outra aventura combinada.
Todo dia o romance e carinho é planejada.toca o telefone atende desesperada.
Quero que esse romance não tenha fim, esse amor masoquista só para mim.
Ela veio para amar pra amar que eu vim, laços não arrebenta  com motim.

Sem medida o amor que eu tenho pela Edite,garanto e confesso é sem limite.
Fofoca de intruso não provocará desquite, mulher rara denota grande palpite.
Amor da Edite constantemente fermenta, comentários ainda mais nos esquenta.
Vencemos por ter boa ferramenta, invejosos deste cardápio não experimenta.

Composto em 14 de setembro de 2006 – às 14h07

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments