Adélio Carlini Guarânia A Lagoa Secará (guarânia)

A Lagoa Secará (guarânia)

 

Orgulhosos é um saco de bosta. Nem pense ser o que pensa.
Se hoje estiver em orgulho. Amanhã está podre de doença.
Se faltar toda educação. Porque em você não existe crença.
Pessoa educada bem humorada. Aos velhos pedem a benção.

Pensem bem que os orgulhosos.  Em calamidades tem de humilhar.
Ricos escravos de serviços. Com humildes sem teto se misturar.
Querendo ter a barriga cheia. E a bunda sem poder lavar.
E quem por chifres no marido. Com o mal tem de pagar.

Escondem embaixo de sucatas. É tão bom notas de cinqüenta.
Mais secando a lagoa sai os jacarés. E na terra quente enfrenta.
Visinhos leigos da história. Mais os mais longos  ri e comentam.
Só quem tem estomago de urubu. Que essa refeição experimentam.

Tapando o sol com a peneira. Sacos de bosta é que fedem na rua.
Da boca saem cobras e sapos. Quem a língua suja só casca possua.
Bobos acreditem e sofram e de cordas. Mais que continuem na sua.
Um dia os frutos amadurecem. Orgulho e mentiras ficando nuas.

Composta em 25/7/ 2011

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conteúdo relacionado