Felicidade dá vida Saudade Mata

Calculava que a saudade existia algum limite
E que a nossa felicidade houvesse o regurgite.
Saudade é imensurável dá infarte e endocardite.
Sumindo a felicidade meu coração só tem agite.

Saudade que me corroeu passei sofrer de bacilos de colite.
Ela não delonga é sem trégua Faz com que o sujeito medite.
Nem que durma vou sonhando que estou nos braços da Judite.
Acordo só vejo um vazio e não volta nem que solicite.

Quero destruir esse veneno de saudade com potente dinamite.
Felicidade volte ao meu lar enquanto é bem gordo minha holerite.
Se a felicidade atrasar não vou acordar nem sacuda e que grite.
Por estar seco na sepultura porque a saudade deu o desquite.

Traz me logo a felicidade antes que o perigo apite.
Estou mise quase em coma por favor venha e acredite.
O fôlego já nem pede auxílio não deixe que gusanos habite.
Confie em Deus traz felicidade só assim fico na elite.

Composta em 1/3/2015

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments