Nosso Romance (Guarânia)

Não troco minha casinha por uma fazenda noutros rincão.
Aqui observo uma loura bonita jogando laçada no meu coração.
Desespero vai apressando com flerte em alucinação.
Apressa nosso romance espero a hora de aproximação.
De lá do muro ela joga beijos dou resposta com excitação.
Na troca de raça com procedência dum sadio garanhão.
Muro não torna impossível não segura qualquer objeção.
É casada mais não incomodo seu marido é um frágil camisolão.
Estou resolvendo atar meus planos e não amanhecemos nesta região.
Casinha que eu estimava fica para as traças fazer refeição.
Meu interesse conseguindo com maior riquezas nas minhas mãos.
Deixo ele desesperado em morada do próximo orelhão.
Loura que estava em minha espreita é eleita com fascinação .
Com meu desejo concluído a vitória concluída põem fim nesta ação.
Felicidade que eu mais desejava é realidade na solução.
Enjeito uma tele sena sozinho o ideal ela é a conclusão.

Composta em 09 de outubro de 2006 – às 08h37

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.