Psicóloga Quebrada (Guarânia)

Tinha uma psicóloga doutora era minha professora
Que sempre me aconselhava em minhas brigas amorosas
Psicóloga viola bondosa meu relacionamento adivinhava
Dedilhando suas cordas dos perigos ela me acorda
Minha mulher desconfiava um dia fui à viola procurar
Pra nos vazios me consolar mais no quarto ela não estava

Desesperado eu saí procurar e lá no fundo do quintal
Aos pedaços ela estava fiquei num beco sem saída
Compreendi que minha vida destruída completava
Sumiu todo o meu brilho sem rumo e sem trilho
Com abrolhos em minha estrada sem minha conselheira
Rolei na ribanceira Igual cascalho nas enxurradas

Perdi  a psicóloga investigadora e minha traidora
Liberta podendo me logra sem minha viola amiga
O lar transformou em briga a traidora pode me abandonar
Duas almas se perigam sem minha viola amiga
Vivo no mundo a chorar Deus porá um fim em tudo
Vou sempre ficar mudo e traidora sem triunfar

Aquela falsa invejosa da minha vida amorosa
Que ela começou odiar sem minha viola sem amor
Aumentará também sua dor geme vendo o mundo desabar
Tanta foi sua maldade destruiu minha felicidade
Nada mais vai concertar teu ciúme tua sorte
Só mesmo com sua morte vai ver como vai pagar

Composta em 15 de novembro de 2006 – às 08h51

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments