Rei Invencível (Pagode)

Existiu rei de cururu chamado de  parafuso ,rei do terrorismo que ainda esta no uso.
Existiu rei do pagode e rei de futebol,existe rei do catira sem haver outro melhor
Existe o rei Roberto Carlos também o rei do café  e rei de cantoria morando em Itararé
Existe o rei da voz eu em primeiro lugar,e rei do gado sem outro para imitar.
Existe rei de compositor e foco de invejosos e quem canta igual urubu  eu sou sabiá sonoroso
Quem quiser  jogar-me pedra o cyborg é invencível  sou king Kong derrotar é impossível

Confio no Todo Poderoso me faz gênio de artista rei bem brasileiro os tísicos tiro da lista.
Contratei o gênio  dos escritores  elétrico compositor as armas contra mim derrete tripico suas dor
Canto moda de raiz detesto ritmo moderno continuo rei feliz o resto que vá pros inferno
Canto dia e noite sem pigarra peito de aço no interno melodioso igual cigarra inimigos é no caderno
Minha coroa é a boca do povão  emissoras que anuncia e novidade na terra nas modas de desenteria
As raízes preservada quem sertanejo aprecia gravam C.D de um século porque novas é só por trinta dias

Dizem ser sertanejo mas são leigo de viola e violão ,os calos nunca existe pois não conhece enxadão .
Nunca entraram em picadas sem conhecer pé de feijão.sem conhecer caboclinhas que não usa batom
Nunca conheceram amor cada ano um divórcio ricos de tradição isento de consórcio
Morram e nasçam de novo nome no registro enquanto não acontece a fama eu conquisto
Vozes de mamangava tenham peito na profissão .filhotinho de urubu não canta a canção
Sabiá com  melodias deixam inspiração nos poetas.só gravando sua voz que sucesso não engaveta

Composta em 14 de outubro de 2006 – às 14h02

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments