Adélio Carlini Valsa Cinco Estrelas (Valsa)

Cinco Estrelas (Valsa)

Ao clicar o computador o seu nome estava lá.
Uma das mais escolhidas que eu tenho pra namorar.
Teus olhos igual orvalho ou esmeralda ou estrelas a brilhar.
Tua doçura feminina e me ensina fazendo o amor multiplicar.

Meu pensamento não muda sem ter outra pra pensar
Amada de cinco estrelas eu reservo em primeiro lugar. [Bis]

Quando estamos juntinhos durmo e sonho a vontade.
Acordo e vejo ao meu lado duplicando a felicidade.
Reservei entre as paulistas por sobra de fidelidade.
Sinto amado estimulado por sua fiel qualidade.

[bis]

Peço a Deus que permaneça no computador o coração reservado.
Para encontrar com você não temos tempo ou hora marcado.
Saboreio um amor moderno feliz coração saciado.
Parece um mundo de sonhos vendo falsidade externado.

Peço a todas que copiem pra ser feliz com o seu amor.
Na Dejanira aposto tudo imitem seu útil primor.
Chumbo é para quem de galho em galho é macaco em suas dor.
Não sejam igual borboletas indecisa que imita o beija flor. 

Composta em 5 de novembro de 2006 – às 15h16

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conteúdo relacionado