Coração hospitaleiro (Valsa)

Quero comprar teu coração o alto preço nem quero saber.
Quero estar de posse absoluto dar intenso amor e receber.
Teu coração será um casulo vou instruir e contender
Onde seus segredos quero descobrir e o afeto quero  conhecer
A onde depender de instrução dar caprichosa lição pra você ler.
Mas venha amar até ao amanhecer.

Quero ser senhor dos seus pensamentos percorrer seu caminho e vencer
Ver dormir nos meus braços sonhar e balbuciar e desvanecer
Quero penetrar em seu coração hospitaleiro vendo um tique taque acontecer
Como um passarinho preso na gaiola, cantar lindas melodias a  você.
Ver tuas lagrimas mornas cair delírio ou sorriso faz unir e obedecer
Ver novidade sem fim, mas feliz aparecer

Aproxime que aqui acha um coração sábio e sadio  luta esquadrinha vai compreender
Amarilda me ama sem haver traição ,quero alegrar teu viver
Amor que vem feita excitada em ação que aproxima  produz e faz valer.
Meu passarinho não canta para o vizinho sem fazer amor no caminho, sem aparecer
Gritarei sim de dor sem adoecer, dando amor sem render.

Composta em 15 de outubro de 2006 – às 18h14

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments