Adquirindo Conhecimento Prático

 

Provérbios é um livro para o Padrão moral
11:1 Balança fraudulenta Jeová detesta, 11: 2 sabedoria está com os modesto, 11:3 retos tem seu guia a integridade, e traiçoeiro é assolado,11:4 nada aproveitará no dia da fúria, 11:5 caminho direito para o inculpe e justiça os guia, iníquo só escorrega,11:6 traiçoeiros são apanhado em sua avidez,11:7 morre o iníquo morre esperança sua alegria some,11:8 O justo faz troca com o iníquo para entrar na ratoeira, 11:9 apóstata arruína pela boca conhecimento salva o justo 11:10 Bondade salva a vila morrendo o iníquo é festa, 11:11 benção dos retos toda a vila beneficia mais a boca do iníquo derruba, 11:12 de amplo conhecimento fica calado,11:13 caluniador é tagarela fiel de boca calada,11:14 sem orientação perita é a derrubada multidão de conselheiros salva, 11:15 nada de fiança é sem aperto de mão,11:16 mulher de encanto é glória,tiranos quer só riquezas,11:17 zela da alma o bom  o cruel estraga o organismo,  11:18 remuneração  do iníquo é fictícia, justiça semeada tem rendimento, 11:19 candidato para a vida quem é justo e a morte é candidato do mau,11:20 pervertido é detestável para Jeová  e prazer tem nos inculpes,11:21 União com o mau não fica impune,11:22 argola na narina de porco é igual da mulher fingida falsa que se enfeita,11:23 fúria é a esperança do iníquo, 11:24 carência por não fazer o que é direito, 11:25 engorda a alma generosa , 11:26 é benção para quem é comprado, 11:27 quem procura o bem tem, e quem dedica ao mau obstem , 11:28 riqueza os derruba e o justo floresce,11:29 tolo é servo de quem é sábio de coração, 11:30 ganhar alma é sábio, fruto do justo é a arvore de vida, 11:31 compensado o justo na terra, 12:1 odiar a repreensão é irracional,12:2 os de idéias má só  SAE má, 12:3 estabelecer na iniqüidade não afirma,  12:4 esposa capaz e as que é podridão dos ossos, 12:5 do iníquo não sai  nada de bom, 12:6 emboscada do iníquo é sangue, 12:7 subvertimento  do iníquo  mais evapora tudo 12:8 boca de palavra tem fiança boca do falso  é desprezado, 12:9 carece de pão ao tentar glorificar,12:10 cruéis misericórdia dos iníquos, 12:11  empenhar por coisas sem valor é  sem coração,12:12 caça enredada  de homens maus, 12:13 é enlaçado pelo que faz, 12:14 boca produz frutos se for bom retorna bom, 12:15 caminho do tolo é torto direito só para ele  mais jaz, 12:16 vexame quer por em claro  e no mesmo dia aparece, 12:17 exprime fidelidade o justo, 12:18 língua do sábio cura  os de estocadas é contraste,12:19 verdade alonga mentira zera, 12:20 fraude de coração é só maldade ,quem aconselha paz tem alegria 12:21isento de prejudicial mais o iníquo  empanturra,12:22 lábios falsos é detestável é prazer quem traz fidelidade, 12:23 estúpidos proclamam tolice,12:24 diligentes mãos governará, e trabalho forçado para os indolente 12:25 palavra boa é o que alegra, 12:26 justo espia o pasto, iníquos vagueia 12:27 indolência não dá nada de bom é só gafe, jornada na vereda  da justiça sai coisa boa, vida.
   13:1 Filho sábio na disciplina do pai 13:2 frutos da boca de acordo  como  que é, 13:3 resguardar a alma tem de resguardar a boca, ou tem  ruína, 13:4 preguiçoso almeja e não tem diligente engorda, 13:5 palavra falsa justo odeia  iníquos é só gafe, 13:6 inofensivo saem bem mais iníquo se transtorna, 13:7 rico não é rico  e pobre não é pobre, 13:8 riquezas é o que o homem procura no resgate  mais não é por aí, 13:9 justos tem luz iníquo é de lâmpada apagada,13:10 consultar sempre é bom, presunção só da rixa 13:11 as mãos produz, 13:12 expectativa adiada não é bom arvore da vida chega é bom, 13:13 compensa  temer o mandamento, 13:14 anotar a lei dos lábios,13:15 escabroso o caminho  de quem é traiçoeiro, 13:16estúpido difunde tolice, 13:17 enviado fiel cura, 13:18 negligenciar a disciplina da pobreza e desonra,13:19 prazenteiro o desejo realizado estúpido sem poder desviar do mal, 13:20 se dá mal ter trato com estúpido, 13:21  retribui o bem para o justo, riqueza do pecador é o tesouro do justo, arrasado por falta de juízo 13:24 refrear a vara odeia o filho,13:25 ventre do iníquo é vazio.

Composta em 20/2/2012

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.