Parábola do rico e Lázaro conforta Fiéis

Entre as muitas parábolas  de Jesus uma que se destaca é essa e é confortadora  em especial  para os da classe de Lázaro  onde muitas delas, têm que ver  com o reino de importância para bênçãos futuras.  Faz ver claramente  onde estamos perante Deus. Aumenta nossa apreciação do favor  do Deus  de todo o consolo  2º Coríntios 1:3. Faz nos decididos  em alcance máximo. Quem que não quer aprovação de Jeová. E precisamos saber se não somos atormentado com verdade bíblica  quando é provado nossa falta. Os gafanhotos sua tarefa é advertir  e todos ele de acordo não se empurram, entre si. Essa parábola tem dois cumprimentos,  com as classes que representam. Primeiro cumprimento  foi durante o tempo dos apóstolos,  e o segundo durante o tempo do fim quando são a ultima chance. Primeiro cumprimento o apóstolo Pedro  foi um deles quem pode ser quem percebeu  as bênçãos  de Jeová  como foi invertido Lucas 12:41-44. Isso é importante saber  qual são o tamanho  de aprovação a parábola indica mudança climática  nas duas classes, quase no fim do ministério de Jesus  que contou  essa parábola  e as duas classes estavam presentes, Fariseus escribas pecadores e pescadores  e coletores de impostos  e discípulos  e foi dirigida aos líderes religiosos Lucas 15:12, 16:1, essencial verso 14 as duas classe podiam notar a mudança  Lucas 16:19-31. As roupagens de líder tinha de aparecer  como foram  as instruções de Jeová  para a classe sacerdotal  e para humilhar  colocaram Jesus coroa de rei,  pensando terem fracassado João 19:2. Eram fluentes e podiam manobrar  a morte  de Jesus e convenceram Pilatos,  praticavam atos para serem vistos pelos homens Lucas 16:19 Apocalipse 19:8 ( linho representa atos justos  dos santos) e os governantes eram abastados banqueteando  coisas espirituais  para serem vistos  hoje pensam  e agem  assim  em vontade  em serem os primeiros Apocalipse 17:4. Eram versados na lei  e tinham a chave do conhecimento Lucas 11:52. Superioridade do judeu era  essa proclamar  o que foi incumbidos ao povo  comum  Romanos 3:1,2 diziam que pobres eram espiritualmente enferma  eram amaldiçoados,  João  7:9. Então a parábola tem duas classes.  Com toda pompa  em comando nada faziam  a multidão  estavam cônscios  da necessidade espiritual a classe pobre  tinham só migalhas  inculcavam tradição de homens e sem proveito algum  e o teor  da verdade  nada,  Eram só doutrina  de mandados de homens  Mateus 15:6,9. O jejum deixou  a classe  de Lázaro em  soerguimento. A morte  do rico e de Lázaro começou a acontecer  com a pregação de João Batista  quem também  os chamou  de víboras  Mateus 3:7. Jesus em Mateus 23:23. Iniciou com João Batista anjos e Jesus  todos mensageiros  que com Jesus culminou em pentecostes pouco tempo ocorrido. Sem precisar de apoio de ricos lideres do sacerdócio. Romanos 7:4,6. Foi levado a sério para o seio de Abraão.  No começo a classe de Lázaro começou com discípulos  mais  tarde incluindo  gentios e a lei  que o rico se apegava evaporou Jesus disse abertamente que o reino deles seria tirado e dar  a quem produzisse frutos. E diz foi enterrado quer dizer morreu. Mas o Lázaro foi ataviado para o seio de Abraão, em pentecostes ficaram irritados pensavam que isso era para eles.  Mais pela hipocrisia morreu a classe do rico palha nada vale e a palavra é que queima Jeremias 23:28,29 Lucas 18:9.

A palavra queimou quando Estêvão disse que todos os profetas foram mortos por essa classe e se irritaram Atos 7:52,57. E vendo multidões de sacerdotes passando para o lado cristão Atos 6:7. Não contente por terem perdido as forças verteu novo tipo para enganar1º João 2:18 diz que atuavam muitos anti Cristo. Conforme foi negado por Jeová o pedido para avisar seus 5 irmão que com ele eram 6 nº da besta uma gota de agua somente já era alivio, isso quer dizer parem de atormentar com a palavra da verdade deixem assim mesmo como está Atos 5:28.  Deus replicou que ele teve vida boa antes de Israel ser julgado Lucas 16:25. Esperavam que a profecia de Joel caísse neles mais foi negado de onde diz que anciãos terão sonhos e jovens visão. Sem jamais aplicarem pastoreio espirituais ao mendigo, Ezequiel 34:8,9. Jeremias 25:34-36. Julgamento de Jeová tornou um profundo abismo, e se expandem esperam vida na eterna na terra. Clérigos rejeitaram reino  Salmos 36:6 distante de comunicação Jeová disse que só antigo testamento já servia para a salvação.Eles tem Moisés e profetas Lucas16:29 

Mais querem um sinal para a ressurreição que seria desnecessária  pregar as escrituras  e expor sua tradições. Recusaram crer em  Jesus E que  Lázaro foi  ressuscitado.  Procuraram remover evidências João 12:10,11 Mateus 28:11,15 Atos 4:1-3,18. Recusavam crer que Jesus foi ressuscitado e queriam fazer parar a obra. Pelas palavras de Abraão indica que a classe de Lázaro nunca terminará, e a classe do rico morreu. PROSSEGUE NA 2ª FOLHA

 

Composta em14/12/2017

 

 

 

 

 

 

 

CUMPRIMENTOMODERNO DA PARÁBOLA SEGUE O MESMO PADRÃO

 Cristandade tem atitude que são da classe rica da parábola, por fora parecem justos dizem serem  superior na educação querem vestimenta  iguais e títulos adoram serem chamados de pastor fulano,  em tudo igual o gigante Golias se a religião tem superiores outra seguem no mesmo ritmo. Entre as muitas parábolas de Jesus uma que se destaca é essa é confortadora em especial para os da classe de zaro onde muitas delas têm o que ver com o reino de importância para bênçãos futuras.  Faz ver claramente onde estamos  perante Deus.  Aumenta nossa apreciação  do favor do Deus de todo consolo 2º Coríntio 1:3. Faz nos decididos em alcance máximo. Quem que não quer aprovação de Jeová. E precisamos  saber se somos atormentado com a verdade bíblia  quando é provado nossa falta.

Os gafanhotos sua tarefa é advertir e todos de acordo não se empurram entre si. Essa parábola tem dois cumprimentos com as classes que representam. Primeiro cumprimento foi durante o tempo dos apóstolos e o segundo durante o tempo do fim quando são a ultima chance. Primeiro cumprimento o apostolo Pedro foi um deles quem pode ser quem percebeu as bênçãos de Jeová como foi invertido Lucas 1241-44 Isso é importante saber qual são o tamanho de aprovação parábola indica mudança climática nas duas classes. Quase no fim do ministério de Jesus que contou essa parábola e as duas classe estavam presente fariseus escribas pecadores e coletores de imposto e discípulos  e foi dirigidas aos   líderes religiosos Lucas 15:12 16:114 as duas classe poderia notar a mudança Lucas 16:19-31.

As roupagens de líderes tinham de aparecer como foram às instruções de Jeová para a classe sacerdotal e para humilhar colocaram em Jesus meios de pilhérias pensando terem fracassado João 19:2. Eram fluentes puderam manobrar a morte de Jesus convenceram Pilatos praticavam atos para serem vistos pelos homens Lucas 16:19 apocalipse19:8 (linho representa atos  justos dos santos) e os governantes eram abastados banqueteando  coisas espirituais para serem visto hoje pensam e agem assim  em vontade em serem os 1º Apocalipse 17:4 eram versado na lei e tinham a chave do conhecimento Lucas 11:52. Superioridade do judeu era essa proclamar  o que foi incumbidos ao povo comum Romanos 3:1,2,  diz que pobres espiritualmente enferma  eram amaldiçoadas João 7:9.

Então a parábola é duas classes. Com toda pompa em comando nada faziam e a multidão estavam cônscios da necessidade espiritual a classe pobres tinham só migalhas  inculcavam só tradições sem proveito algum  e o teor da verdade nada. Eram só doutrina de mandados de homem  Mateus 15:6,9. O jejum deixou a classe doente.  Na inversão o rico passou a ter mais punição. A classe de Lázaro soerguida.

 

A morte do Lázaro começos acontecer com a pregação de João Batista quem também os chamou- de víbora, Mateus 3:7 Jesus em Mateus 23:23. Inicio João Batista e anjos todos mensageiros e seguiu com Jesus e culminou em pentecostes pouco tempo.  Sem precisar de apoio do rico, livres do sacerdócio Romanos 7:4,6. Foi levado a sério para o seio de Abraão.  No começo a classe de Lázaro começou com os discípulos  mais tarde incluindo gentios a lei que o rico se apegava evaporou Jesus disse abertamente que o reino deles seria tirado Mateus 21:43. E diz foi  enterrado quer dizer morreu de vez  a classe de Lázaro não diz quefoi enterrado. 

 

Ricos ostentam em ser porta voz para o mundo e de posse de suas provisões espirituais e não reconhece quem são os maiores conselheiros. Outrora a classe de zaro buscavam alimentos podres com filosofias pagãs e tradição de homens o inverso começou uns 40 anos antes de 1914. A classe de Lázaro começaram num trabalho preparatório semelhante a de João batista anunciando o reino tem confortado as necessidades espirituais  milhões desde 1880. Alegram por ficar livres das Cargas pesada Mateus 23:4 até hoje a classe de Lázaro é sem mendicância é céu  e o rico pelo tamanho do erro percebem que está próxima  a destruição.  E sentem decepção   Amós 8:11 Isaías 65:13,14.

Estão sempre os modernos em busca de gota de agua para alivio querem ver parar a pregação porque mostra as iniquidades que surgem mais são rejeitados. Outras ovelhas por apoiar o restante ungidos, o Abraão maior também acolhem para vida eterna na terra. E salvam os pregadores do reino negam seus pedidos porque enquanto isso mais vai se aproximando Revelação 22:17. E não há base em concordar em suas práticas babilônicas. O caminho do escape está sendo dado o anúncio pelo zelo ouve fonte de explicação que de outras religiões jamais teria  porque eles  nojo de quem tem levado religião a sério .

 E CONHECER A PARABOLA MOSTRA AJUDA NA APLICAÇÃO CORRETA DA DOUTRINA

 Aplicação nutrida de erros é que levam ao literal e querem sufocar com inferno que não existe. Que nos contacte e temos prazer em ajudar os que forem duvidosos com os ensinos que provém de Jeová a verdade é de graça oferecemos um banquete preparado aos povos de sinceridade nesta terra Isaías 25:6. O cristão tem de avisar o iníquo mais também o justo Ezequiel 3:18-21.

 

Composta em 11/12/2017

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments