Escrava (Valsa)

Naquele bar da esquina a linda mulher observava. Observando eu sugando um copo de cerveja ela arrasada chorava. Junto dela parecia feliz nos bastidor me enganava. Jurando de amor e felicidade inocente eu acreditava. Até que foi só distanciando o frágil amor que eu desfrutava. Hoje desprezada vive em lastima saudade matando a vida que… Leia mais Escrava (Valsa)

Coração Calejado (Xote)

Quanto desejei tua felicidade você ruinosa não contribuía. Não reconhecendo meu esforço sincero enxotava em rebeldia. Em tua procura sempre estava maliciosa escondia. Desesperado eu procurava fazer lhes feliz não queria. Passando o tempo vitorioso se divertia. Tornei um boêmio andando sem rumo fugindo de quem não aprecia. Tua elegância gerando arrogância passada tempo tudo… Leia mais Coração Calejado (Xote)